Hollywood Forever TV
Twitter Hollywood Forever TVYoutube Hollywood Forever TVInstagram Hollywood Forever TV

Onda de apoio a Marilyn Manson por fãs de Johnny Depp toma as redes

Saiba o motivo do apoio a Marilyn Manson por fãs de Johnny Depp.

@helograssi | Publicado em 13/05/2022, às 11h48

Onda de apoio à Marilyn Manson por fãs de Johnny Depp toma as redes - Getty Images
Onda de apoio à Marilyn Manson por fãs de Johnny Depp toma as redes - Getty Images

Após ser acusado de abusar, manipular e fazer lavagem cerebral em diversas mulheres, o musicista Marilyn Manson pode respirar aliviado, afinal, uma onda de apoio ao cantor em meio às acusações de Evan Rachel Wood tomou conta das redes sociais. Quem está apoiando Manson? Um grupo peculiar: Os fãs do ator Johnny Depp.

Johnny Depp está envolvido no maior caso judicial para a mídia dos útlimos anos: Após ser acusado de violência doméstica, o ator está processando a sua ex-esposa Amber Heard por difamação em 50 milhões de dólares. Os fãs do ator foram rápidos em subir a hashtag #JusticeForJohnnyDepp (Justiça por Johnny Depp). No entanto, com recesso do julgamento (que deve retomar as atividades no dia 16), diversos usuários apoiadores de Depp começaram a levantar uma hashtag em apoio a Marilyn Manson, #IStandWithMarilynManson (Eu estou com Marilyn Manson).

Alguns fãs do ator sugerem similaridades nos casos de Marilyn e Johnny. Assim como Depp, Marilyn foi acusado de violência doméstica e psicológica. Alguns acreditam que a acusadora, Evan Rachel Wood, estaria mentindo, assim como acreditam que Amber Heard está. No entanto, outros usuários preferem não se manifestar já que Manson foi acusado por mais de uma pessoa.

Evan Rachel Wood reuniu algumas das vítimas de seu agressor em comum para depor no documentário Phoenix Rising, produzido pela HBO e disponível no HBO Max.

DETALHES DO ASSÉDIO

Evan Rachel Wood lembrou que o "primeiro crime" de Manson contra ela ocorreu durante as filmagens do videoclipe icônico do artista, Heart-Shaped Glasses, lançado em 2007, quando a atriz tinha 19 anos.

"Não foi nada como eu pensei que seria", disse Wood sobre o videoclipe durante o documentário. "Estávamos fazendo coisas que não eram o que me foi proposto... Discutimos uma cena de sexo simulada, mas assim que as câmeras começaram a filmar, ele começou a me penetrar de verdade. Eu nunca concordei com isso. Como uma atriz profissional, eu tenho feito isso a minha vida toda, mas eu nunca estive em um set tão pouco profissional na minha vida até hoje".

Confira a matéria completa clicando AQUI.


HFTV NAS REDES SOCIAIS 👇

YOUTUBE | INSTAGRAM | TWITTER | FACEBOOK | SPOTIFY | NEWSLETTER