Hollywood Forever TV
Twitter Hollywood Forever TVYoutube Hollywood Forever TVInstagram Hollywood Forever TV

Mocinho ou vilão? As polêmicas de Will Smith antes do climão no Oscar

Não é só de Oscar que as polêmicas reinam na vida de Will Smith

@nic_bastos | Publicado em 28/03/2022, às 15h30

Will Smith vence Oscar de Melhor Ator por King Richard - Getty Images
Will Smith vence Oscar de Melhor Ator por King Richard - Getty Images

O Oscar 2022, que aconteceu neste domingo (27) em Los Angeles, contou com um barraco que ninguém esperava - mas que todo mundo comentou: o tapão deWill Smithem Chris Rock. O motivo? O comediante fez um comentário infeliz sobre a condição autoimune, alopécia, que deixa Jada Pinkett Smith - esposa de Will - careca: disse que gostaria de vê-la na continuação de GI Jane (Até o Limite da Honra, em português), filme de 1997 em que Demi Moore está careca.

Mocinho ou vilão? Parte dos telespectadores enalteceu a atitude de Will Smith, enquanto parte repudiou o que chamou de "descontrole" por parte do ator. E embora ele seja um artista adorado e bastante renomado em Hollywood, essa não é a primeira vez que Will Smith se envolve em polêmica, deixando a galera decidir de qual lado fica. Inclusive, a própria Jada já deu entrevistas afirmando que o astro não é um bom marido - e que até o sexo não era legal 👀.

Desde se recusar a gravar uma cena de beijo gay em seu trabalho, até polêmicas no casamento e com os filhos, HFTV separou outras polêmicas grandes envolvendo o ator, enquanto você (e Chris Rock) se recuperam da última!  

Recusou beijo gay 

Em 1993, Will Smith deu uma entrevista ao Entertainment Weekly e revelou que havia se recusado a gravar um beijo gay. No papo com o veículo, o ator disse que havia revelado porque precisava se redimir da decisão - já que se arrepende muito. A cena era para o filme Seis Graus de Separação e acabou tendo que ser gravado com dublês. 

"Foi muito imaturo da minha parte. Eu pensei, ‘como meus amigos na Filadélfia vão reagir quando verem isso?. Eu não estava emocionalmente estável o suficiente para me comprometer artisticamente a esse aspecto do filme. Isso foi uma lição valiosa para mim. Ou você ou não faz”, falou ao EW. 

Bem maluco no pedaço

Will Smith se desentendeu com Janet Hubert, primeira intérprete da tia Vivian no seriado Um Maluco no Pedaço, e acabou provocando a saída dela do programa. Em 2020, durante especial realizado pela HBO, o ator tentou se redimir com a atriz, admitindo o erro na época. 

"Durante esse período de gestação dela eu não fui sensível e perspicaz. Hoje, com três filhos, aprendi algumas coisas que não sabia na época. Eu teria feito tudo muito diferente. Eu vejo como tornei as coisas muito diferentes para a Janet”. Mesmo assim, a atriz permaneceu convicta de que o embate com Will foi responsável por acabar com a carreira dela em Hollywood: 

"Você tirou tudo de mim com as suas palavras. Palavras podem matar. Eu perdi tudo; reputação. Tudo mesmo. Eu entendo que você conseguiu seguir em frente. Você conhece aquelas palavras... chamar uma mulher negra de 'difícil' em Hollywood é o beijo da morte", disse no especial. Na época, a atriz o acusou até de fazer piada sobre seu tom de pele. Tenso!

Traição

Em julho de 2021, o casal havia afirmado estar separado, após o envolvimento de Jada com o rapper August Alsina. A revelação do affair veio a público por meio do programa Red Table Talk. "Eu tive um tipo diferente de envolvimento com August. Uma coisa que quero deixar clara, sobre você dar 'permissão': a única pessoa que poderia dar permissão nessa situação sou eu", disse Jada-Pinkett. Alsina chegou a dizer que o affair com a atriz foi permitido por Will.

O programa virou meme e Will ficou bastante irritado com a situação, embora, o revelado mais tarde, tenha sido de que o casal vivia um relacionamento aberto.

Casamento aberto 

"Jada nunca acreditou em casamento convencional. Ela tinha membros da família responsáveis por viver um relacionamento não-convencional. Então ela cresceu de uma maneira muito diferente de como eu cresci," afirmou o ator durante entrevista à GQ

"Houve discussões intermináveis e ​​significativas sobre o perfeito em uma relação. Na maior parte do nosso relacionamento, a monogamia foi nossa escolha, mesmo não pensando na monogamia como a forma de relacionamento mais perfeita," continuou.

Em entrevista recente para Gayle King, Will Smith esclareceu: jamais aconteceu qualquer sinal de infidelidade entre ele e sua esposa. O ator estava promovendo o filme King Richard quando foi questionado sobre o impacto de todos esses rumores em sua vida como casal e como pais dos filhos Jaden e Willow.

“Eu decidi que esses rumores, a fofoca, pode ser benéfica para nossa vida”, ele começou. “Eu acredito que rumores são o primeiro passo para uma conversa real e ser capaz de explorar se algumas das coisas que estão em seu coração são bondosas realmente ou são venenosas.”

Quando foi questionado sobre as infidelidades, o ator logo cortou: “Nunca houve infidelidade entre mim e Jada. Nunca. Eu e Jada falamos sobre tudo e nunca ficamos surpresos com as coisas que vimos aqui e ali, nunca.”

Revelação sexual 

Will lançou seu livro de memórias, Will, em 2021, período em que suas entrevistas deram o que falar. Em uma delas, o astro chegou a deixar os fãs boquiabertos ao afirmar, sem escrúpulos, que fazia tanto sexo que às vezes tiha vontade de vomitar ao ter um orgasmo.

"Eu fiz sexo com tantas mulheres, e foi tão desagradável para mim que desenvolvi uma reação psicossomática ao ter um orgasmo. Isso literalmente me fazia engasgar e às vezes até vomitar", disse ele. Na época, fãs do ator comentaram nas redes sociais que era para Will simplesmente parar de dar entrevistas rs.

Filhos sem escola 

Will Smith não quis deixar os filhos, Jaden e Willow, frequentarem a escola. Ao invés disso, como permite a lei dos Estados Unidos, optou pela educação com tutores em casa. 

"A vida escolar não é autêntica porque quando termina não é de verdade, não é real. A nossa aprendizagem nunca vai acabar. A escola que vamos a cada manhã é a mesma que continuaremos a ir. As crianças que vão para a escola normal são aborrecentes, deprimidas", disse Jaden Smith à T Magazine, em 2014. Eita! 


HFTV NAS REDES SOCIAIS 👇 

YOUTUBE | INSTAGRAM | TWITTER | FACEBOOK | SPOTIFY | NEWSLETTER