Hollywood Forever TV
Twitter Hollywood Forever TVYoutube Hollywood Forever TVInstagram Hollywood Forever TV

Bad Vegan | A escandalosa história por trás do true crime da Netflix

A verdadeira história do true crime da Netflix, Bad Vegan, é o tema do LIVE IS DEAD! da semana

@helograssi | Publicado em 05/04/2022, às 17h30 - Atualizado às 18h00

Bad Vegan | A escandalosa história por trás do true crime da Netflix - Divulgação/Netflix
Bad Vegan | A escandalosa história por trás do true crime da Netflix - Divulgação/Netflix

O novo documentário eletrizante da Netflix se chama Bad Vegan e traz a história de Sarma Melngailis, uma chefe de cozinha localizada em Nova York. Acompanhamos Melngailis e sua reputação irem de uma grande cozinheira e dona de restaurante até uma criminosa acusada de fraude, roubo e outros grandes crimes.

E é esse o tema do LIVE IS DEAD! da semana. Antes do vídeo (no final da matéria), que tal um background? 

A RAINHA DA CULINÁRIA VEGANA

Conhecida como Rainha da Culinária Vegana, Sarma ganhou fama ao lançar o seu restaurante Pure Food and Wine, focando em comidas naturais e cozinha vegana. Alguns artistas famosos como Alec Baldwin, Tom Brady e Bill Clinton eram clientes do restaurante, que era descrito como “uma experiência fina e vegana.” No entanto, o sucesso de Melngailis durou pouco. A chef foi presa ao lado de seu marido, Anthony Strangis, acusada de roubar mais de U$2 milhões do próprio restaurante para pagar as dívidas causadas pelo vício em jogos de azar de Anthony e para sustentar um estilo de vida luxuoso.

BAD WEDDING

Desde o início do relacionamento de Sarma com Anthony, os problemas apareciam aos montes. O rapaz, que já foi acusado de roubo e de falsidade ideológica, teria controle sobre todos os aspectos da vida da chef, usando técnicas conhecidas como gaslighting e a privando de horas de sono. Com o decorrer do casamento, Strangis se tornou mais controlador, cuidando das finanças dela.

FAKE VEGAN?

Além das alegações de roubo, Sarma Melngailis também foi acusada de não ser vegana, afinal de contas. Alguns policiais, enquanto investigavam um hotel no qual o casal se acolheu por mais de um mês, alegaram que eles comiam pizza com queijo e asas de frango. Sarma negou, dizendo que comeu apenas vegan bowls no Chipotle mais perto.

OS CRIMES

Melngailis desviou aproximadamente um milhão de dólares do fundo de segurança do restaurante, deixando de pagar funcionários, investidores e taxas. O público geral se mantém em dúvida se Sarma Melngailis foi realmente uma vítima de um relacionamento abusivo, manipulada a extorquir do restaurante. Outros suspeitam que a chef está procurando um motivo para se livrar das acusações de roubo e gerar empatia.

A PRISÃO

Após o casal ser preso em flagrante enquanto tentavam fugir do país, foi acusado de lavagem de dinheiro, fraude de impostos, esquemas de corrupção e violação das leis de trabalho. A chef precisou ficar 4 meses na cadeia e 6 meses fazendo trabalho comunitário, enquanto seu marido ficou 1 ano preso e precisou pagar U$48 mil dólares em reparação de danos.

É o pior pesadelo que alguém poderia imaginar. Se eu estivesse com câncer, seria melhor do que eu estou passando porque, pelo menos, não fui eu quem causou isso.

Após sua prisão, Melngailis declarou que, se pudesse, voltaria ao ramo da culinária...

Se tivesse alguma oportunidade mágica de abrir o mesmo restaurante, no mesmo lugar, eu faria num piscar de olhos. Acho que Nova York me abraçaria de volta.

Atualmente, a chef tem um blog chamado Sarma Raw, no qual conta a sua história e compartilha receitas veganas, enquanto Anthony Strangis continua trabalhando para pagar a sua dívida.



HFTV NAS REDES SOCIAIS 👇 

YOUTUBE | INSTAGRAM | TWITTER | FACEBOOK | SPOTIFY | NEWSLETTER