Hollywood Forever TV
Twitter Hollywood Forever TVYoutube Hollywood Forever TVInstagram Hollywood Forever TV

O triste e verdadeiro significado por trás do vestido de Rose McGowan no VMA 1998

Vestido que Rose McGowan usou no VMA 1998 marcou a trajetória da atriz e a história da premiação

@isafrasinelli | Publicado em 12/11/2021, às 17h32

Rose McGowan no tapete vermelho do VMA 1998 - Reprodução
Rose McGowan no tapete vermelho do VMA 1998 - Reprodução

Em 1998, Rose McGowan chegava ao MTV VMAs com um vestido que entraria para a história da premiação. O look transparente seria lembrado por mais de 20 anos como a escolha ousada que a atriz teve ao desafiar os padrões da época no tapete vermelho de um dos maiores eventos da música. Contudo, o que nem todos sabem, é que existe um triste significado por trás da escolha da peça. 

👉 ASSINE NOSSA NEWSLETTER 👈

Em 2020, a atriz conhecida por Jovens Bruxas (Charmed, 1998) contou qual foi sua verdadeira intenção ao usar o vestido feito de correntes metálicas. Em entrevista ao Yahoo!, McGowan revelou que o ato era uma resposta ao assédio que sofreu por Harvey Weinstein.

“Foi minha primeira grande aparição pública depois de ser abusada sexualmente. Eu queria dizer: 'Ah, Hollywood, quer dizer que você quer um corpo que possa usar e depois jogar fora? Eu tenho um para você!'. Foi como no final de 'Gladiador', quando ele aparece e diz: 'Vocês não estão se divertindo?'"

Rose McGowan no VMA 1998

Em sua autobiografia intitulada Brave, Rose afirma que foi estuprada pelo produtor quando tinha 23 anos, no Festival de Cinema de Sundance de 1997. No livro, a atriz se refere a Weinstein como “monstro” e explica que o abuso aconteceu quando foi convocada para uma reunião de trabalho.

McGowan falou publicamente sobre o caso durante o movimento #MeToo e se tornou uma das personalidades ativistas mais conhecidas na luta contra os abusos em Hollywood. Sobre a escolha do vestido para o VMA 1998, ela aponta que essa foi uma maneira que ela encontrou de expressar seu poder como uma reação a violência que sofreu.

“E se você olhar para mim, eu fiz isso com poder. Não fiz isso com a mão no quadril para ser sexy… A maioria das mulheres que se vestem assim no tapete vermelho, é um movimento calculado e sexy para excitar as pessoas. O meu era tipo, 'Vou foder com o seu cérebro. Vou explodir seu cérebro'. E ninguém tinha feito isso.”

Olhando para trás, Rose contou que tem sentimentos divididos em relação ao vestido, apesar de ressaltar que não se arrepende da decisão: “Foi difícil. Eu realmente nunca tinha lidado com a mídia global tentando me envergonhar dessa maneira. Mas isso me preparou para outras coisas que aconteceram comigo mais tarde.”

“Eu penso: 'Por que eu fiz isso?'. Eu tive que olhar para a situação. Sabe, quando você faz as coisas a partir do instinto e com um humor, quando o mau humor toma conta de você, você analisa o que te levou a esse humor ou a essa escolha. Então, certamente, eu tive muito tempo para analisar e olhar essa linha do tempo. Mas eu compreendo completamente porque eu fiz o que fiz.”

Vale lembrar que McGowan participou do evento ao lado do então namorado, Marilyn Manson, com quem esteve em um relacionamento por três anos. Na entrevista, a atriz ainda afirmou que o cantor não sabia a intenção por trás desse gesto.

“[O abuso de Weinstein] aconteceu antes de eu me relacionar com ele […] Não contei a ele o que aconteceu. Eu cheguei a contar a ele depois - bem, ele descobriu porque perguntava ao meu amigo: 'O que há de errado com essa garota? Ela acorda à noite molhada e gritando, com a cama e os lençóis molhados. Ela faz isso todas as noites, tipo duas ou três vezes por noite'. Eu tinha pesadelos terríveis, coisas do distúrbio de estresse pós-traumático. Então tivemos que conversar sobre isso.”


LIVE IS DEAD! #6 está no ar e o episódio da semana traz um papo sobre a seita NXIVM — dê o play abaixo para conferir!