Hollywood Forever TV
Twitter Hollywood Forever TVYoutube Hollywood Forever TVInstagram Hollywood Forever TV

O ciclo de autodestruição de Hayden Panettiere e outras revelações

A atriz Hayden Panettiere, de Heroes e Pânico, revelou detalhes sobre o vício em álcool e opióides... um extenso ciclo de autodestruição

@helograssi | Publicado em 06/07/2022, às 13h25 - Atualizado às 14h12

O ciclo de autodestruição de Hayden Panettiere e outras revelações - Getty Images
O ciclo de autodestruição de Hayden Panettiere e outras revelações - Getty Images

A atriz Hayden Panettiere, do seriado Heroes e da franquia de filmes de terror Pânico, abriu o jogo sobre o ciclo de autodestruição que tomou conta da sua vida por conta do seu vício em opioides e em álcool. A entrevista é para a revista americana People. "Eu estava no topo do mundo e eu arruinei isso,” contou a estrela, capa da revista deste mês.

Ela passou anos batalhando contra seu vício e na sequência  foi atingida por uma forte depressão pós parto após o nascimento de sua filha, Kaya, de sete anos. A atriz contou que tinha 15 anos quando uma pessoa de sua equipe começou a oferecer pílulas para ela: “Eles estavam tentando me deixar animada para as entrevistas. Eu não tinha ideia que era algo inapropriado ou que isso iria abrir uma porta para meu vício.”

Enquanto sua carreira crescia, Hayden Panettiere bebia mais álcool e ingeria mais opioides: “O que me salvou foi que eu não podia fazer bagunça enquanto estava no set e trabalhando. Mas coisas as coisas, fora do set, continuavam a sair do controle. Enquanto eu ficava mais velha, drogas e álcool era algo que eu não conseguia viver sem.”

Em 2014, enquanto protagonizava a série Nashville, a atriz deu a luz à sua primeira filha, Kaya. Ela procurou tratamento, mas a depressão pós-parto a atingiu rapidamente: “Eu nunca tive vontade de machucar a minha filha, mas eu não queria passar nenhum tempo com ela. A minha vida era realmente cinzenta.”

O seu relacionamento com Wladimir Klitschko, pugilista ucraniano e pai de Kaya, começou a se desfazer: “Ele não queria ficar perto de mim, nem eu mesma queria. Mas os opioides e o álcool me faziam sentir feliz por algum tempo. Depois, eu me sentia ainda pior do que antes. Era um ciclo de autodestruição.”

Em 2018, Kaya foi morar com Klitschko, na Ucrânia, e Hayden estava em seu pior estado: “Eu tomava shakes quando acordava e não conseguia funcionar sem álcool. [Abrir mão de Kaya] foi a coisa mais difícil que eu já fiz, mas eu queria ser uma boa mãe para ela, e isso, às vezes, significa deixar ir.”

A RECUPERAÇÃO

Ela foi para reabilitação e logo estava se recuperando. Panettiere disse que ficou determinada para procurar ajuda: “Eu trabalhei muito duro em mim mesma, eu tinha que estar disposta a ser incrivelmente honesta.” A atriz relatou que, nos últimos anos, passou por terapias para seu comportamento e para se recuperar de um grande trauma.

O comeback de Hayden está confirmado! Panettiere retornará para a franquia Pânico, com sua personagem Kirby Reed. Ela também está usando o seu tempo para se focar na caridade. Ela fundou a Hoplon International em março deste ano, para levantar fundos às forças ucranianas, já que o país enfrenta uma guerra contra a Rússia.

“Não está sendo fácil e tem muitos altos e baixos. Mas, eu não me arrependo das coisas feias que aconteceram comigo. Eu me sinto completamente realizada e sinto que tenho uma segunda chance", finalizou.


HFTV NAS REDES SOCIAIS

YOUTUBE | TIKTOK | INSTAGRAM | TWITTER | FACEBOOK | PODCAST | NEWSLETTER