Hollywood Forever TV
Twitter Hollywood Forever TVYoutube Hollywood Forever TVInstagram Hollywood Forever TV

Johnny Depp teria batido em Amber Heard na frente da filha

O ator teria agredido Amber Heard na frente da filha, Lily-Rose Depp.

@helograssi | Publicado em 05/05/2022, às 11h25

Johnny Depp teria batido em Amber Heard na frente da filha - Getty Images
Johnny Depp teria batido em Amber Heard na frente da filha - Getty Images

Na quarta semana do julgamento Johnny Depp vs. Amber Heard, pudemos ouvir mais a defesa da atriz e o testemunho da loira. O ator está processando a ex-esposa em 50 milhões de dólares por difamação após Amber escrever um artigo para o jornal americano Washington Post, no qual se dizia uma sobrevivente de violência doméstica, física e psicológica.

Ao dar seu testemunho, Heard relembrou um episódio envolvendo a filha do ator, Lily-Rose Depp, em 2013, quando Amber e Johnny ainda estavam apenas namorando. O ocorrido aconteceu nas Bahamas, motivado por causa de um iate.

De acordo com Amber, Depp estava “chateado porque não havia conseguido vender o iate” e que ele começou a beber. Ela disse que ele tentou esconder o fato que estava bebendo das crianças, pois estava bebendo álcool dentro de xícaras de café. Ela alega que, “uma vez que ele começava a beber, não tinha como parar.”

Quando Johnny ficou visivelmente bêbado, a filha do ator, Lily-Rose, na época de apenas 14 anos, começou a ficar nervosa e chateada por seu comportamento. O ator prosseguiu e se jogou no mar, supostamente brincando. “Foi um pouco assustador, já que isso não é algo que alguém faria se estivesse completamente sóbrio” disse Amber.

Amber disse que Lily começou a chorar, como se estivesse a ponto de um ataque de pânico, e começou a fazer perguntas sobre o pai para a madrasta, no entanto, o sossego durou pouco. “Eu estou abraçando e confortando ela. Johnny vem e, com alguns segundos, eu percebo que ele trouxe sua atenção a mim e parecia muito bravo. Ele disse para a Lily-Rose sair do cômodo, ela saiu mas olhou para mim chorando. Johnny começa a me acusar de tê-lo dedurá-lo e chamado de bêbado na frente das crianças.”

Amber negou que teria chamado assim na frente dos filhos dele, já que não era seu papel contar para as crianças sobre seus problemas com álcool. No entanto, ele não acreditou e se tornou violento.

“Ele me jogou contra a parede do quarto em que estávamos, contra a parede da cabine e começou a me segurar pelo pescoço. Ele agarrou meu pescoço por alguns segundos, disse que poderia me matar e que eu era uma vergonha,” contou Amber.


HFTV NAS REDES SOCIAIS 👇

YOUTUBE | INSTAGRAM | TWITTER | FACEBOOK | SPOTIFY | NEWSLETTER