Hollywood Forever TV
Twitter Hollywood Forever TVYoutube Hollywood Forever TVInstagram Hollywood Forever TV

Rust: Alec Baldwin afirma não ter puxado o gatilho de arma que matou Halyna Hutchins

Em sua primeira entrevista desde a fatalidade, Alec Baldwin fez revelação surpreendente

Redação Publicado em 01/12/2021, às 16h42

Alec Baldwin, responsável pelo disparo de arma que matou a diretora Halyna Hutchins - Reprodução
Alec Baldwin, responsável pelo disparo de arma que matou a diretora Halyna Hutchins - Reprodução

Pela primeira vez desde o acidente fatal no set do filme Rust, que acabou deixando morta a diretora de fotografia Halyna Hutchins, Alec Baldwin - que até então acreditava-se ser o responsável por disparar a arma que atingiu a profissional - deu uma entrevista para falar sobre o ocorrido. Ao jornalista George Stephanopoulos, da ABC News, ele chocou com uma revelação que pode mudar toda a investigação.

👉 ASSINE NOSSA NEWSLETTER 👈

A entrevista completa vai ao ar nesta quinta-feira (2), mas trechos do relato já estão sendo divulgados. Em um deles, Alec simplesmente diz que não disparou a arma. "Bem, o gatilho não foi puxado. Eu não puxei o gatilho. Eu nunca apontaria a arma para alguém e puxaria o gatilho para ela. Nunca." Eita!

O que se sabia antes era que o ator estava ensaiando uma cena de tiroteio dentro de uma igreja no Bonanza Creek Ranch, Novo México, quando tudo aconteceu. O astro combinava com os cinegrafistas ângulos das câmeras na captura de suas cenas de ação, quando atirou contra Halyna, acreditando que a pistola continha apenas balas de festim.

Em outro trecho da entrevista, Baldwin afirma que essa foi a pior coisa que já o aconteceu na vida e ressalta que não era para ter ocorrido: "Alguém colocou uma bala de verdade na arma. Uma bala que nem era para estar no local."

Confira:

Novos relatos da armeira da produção

Hannah Gutierrez-Reed foi questionada por investigadores que estavam tentando entender como balas reais foram introduzidas no set de Rust. Então, Gutierrez-Reed afirmou à polícia que carregou a Colt .45 com cinco balas falsas antes de parar para almoçar. Depois da refeição, a arma foi retirada de um cofre e a profissional acrescentou outra bala.

Pouco tempo depois, a fatalidade aconteceu. Nos novos depoimentos, a armeira admitiu que "não verificou muito bem" o revólver. "Estávamos com a arma o tempo todo antes disso, e não estava lá, e eles nem deveriam puxar o martelo da arma", disse.

Os promotores do caso continuam não descartando acusações criminais contra as pessoas envolvidas na tragédia de "Rust", como Alec Baldwin e a armeira, que já respondem a pelo menos dois processos civis.


O novo episódio do LIVE IS DEAD! está no ar, trazendo um papo sobre a lenda urbana mais sinistra e maluca da deep web: SETEALÉM! Ouça abaixo: