Hollywood Forever TV
Twitter Hollywood Forever TVYoutube Hollywood Forever TVInstagram Hollywood Forever TV

Alec Baldwin se pronuncia sobre acidente fatal em set de filmagem: “Não há palavras para expressar meu choque e tristeza”

@chboskyyy | Publicado em 22/10/2021, às 13h12

Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

Alec Baldwin se pronunciou pela primeira vez após o acidente fatal no set do filme Rust, que deixou uma morta e um ferido: a diretora de fotografia Halyna Hutchins e o cineasta Joel Souza. Em um post no Twitter, o ator expressou “o choque e a tristeza”. 

"Não há palavras para expressar meu choque e tristeza em relação ao trágico acidente que tirou a vida de Halyna Hutchins, esposa, mãe e nossa colega profundamente admirada. Estou cooperando totalmente com a investigação policial para resolver como essa tragédia ocorreu", escreveu Baldwin. 

"Estou em contato com o marido dela, oferecendo meu apoio a ele e sua família. Meu coração está partido por seu marido, seu filho e por todos que conheciam e amavam Halyna".

Em comunicado oficial, o gabinete do xerife do condado de Santa Fé, no Novo México, EUA, confirmou o acidente. 

"O gabinete confirma que os dois indivíduos baleados no set de 'Rust' foram a diretora de fotografia Halyna Hutchins, 42, e o diretor do filme, Joel Souza, 48, atingidos quando uma arma cenográfica foi disparada pelo ator e produtor Alec Baldwin". 

Halyna Hutchins foi levada ao hospital da Universidade do Novo México, mas não resistiu. Joel Souza foi levado ao centro médico da região, e já recebeu alta, como informou a atriz Frances Fischer em uma rede social. De acordo com o Deadline, ele foi baleado no ombro. 

“Detetives estão investigando como e que tipo de munição foi disparado”, diz a polícia, que não confirmou se o disparo aconteceu nos ensaios ou nas gravações.  O Deadline ainda conta que o ator está liberado após depoimento. Segundo o jornal local Santa Fe New Mexican, ele está "perturbado e em lágrimas”. A produção do filme foi paralisada. 

Rust é um western que se passa no Kansas de 1880. Baldwin interpreta o personagem que dá nome ao filme, o avô fora da lei de um menino de 13 anos condenado por um assassinato acidental.