Hollywood Forever TV
Twitter Hollywood Forever TVYoutube Hollywood Forever TVInstagram Hollywood Forever TV

Alec Baldwin é visto “perturbado e em lágrimas” após matar diretora acidentalmente

@chboskyyy | Publicado em 22/10/2021, às 10h03

Jim Weber/The New Mexican
Jim Weber/The New Mexican

Após o acidente fatal no set do filme Rust, que deixou uma morta e um ferido, Alec Baldwin apareceu abalado no estacionamento de uma delegacia em Santa Fé, no Novo México, Estados Unidos. O ator foi autor do tiro que matou a diretora de fotografia, Halyna Hutchins, de 42 anos. O diretor do longa-metragem, Joel Souza, 48, foi ferido, mas passa bem. 

A fotografia foi feita pelo jornal local Santa Fe New Mexican, após interrogatório realizado por policiais que apuram as circunstâncias do acidente. Conforme a publicação, Baldwin está perturbado e em lágrimas. 

Em comunicado oficial, o gabinete do xerife do condado de Santa Fé, no Novo México, EUA, confirmou o acidente. 

O gabinete confirma que os dois indivíduos baleados no set de 'Rust' foram a diretora de fotografia Halyna Hutchins, 42, e o diretor do filme, Joel Souza, 48, atingidos quando uma arma cenográfica foi disparada pelo ator e produtor Alec Baldwin

Halyna Hutchins foi levada ao hospital da Universidade do Novo México, mas não resistiu. Joel Souza foi levado ao centro médico da região, e já recebeu alta, como informou a atriz Frances Fischer em uma rede social. De acordo com o Deadline, ele foi baleado no ombro. 

“Detetives estão investigando como e que tipo de munição foi disparado”, diz a polícia, que não confirmou se o disparo aconteceu nos ensaios ou nas gravações. 

O Deadline ainda conta que o ator está liberado após depoimento. Segundo o jornal local Santa Fe New Mexican, ele está "perturbado e em lágrimas”. A produção do filme foi paralisada. 

Rust é um western que se passa no Kansas de 1880. Baldwin interpreta o personagem que dá nome ao filme, o avô fora da lei de um menino de 13 anos condenado por um assassinato acidental.