Hollywood Forever TV
Twitter Hollywood Forever TVYoutube Hollywood Forever TVInstagram Hollywood Forever TV

Milicent Patrick: a designer de monstros esquecida por Hollywood

Sendo a primeira mulher a produzir um monstro para longa metragem, o nome de Milicent Patrick foi apagado da história do cinema devido à misoginia

Rafaela Bertolini | Publicado em 12/05/2022, às 21h00

Milicent Patrick: a designer de monstros esquecida por Hollywood - Foto: Hanover Square Press
Milicent Patrick: a designer de monstros esquecida por Hollywood - Foto: Hanover Square Press

"O Monstro da Lagoa Negra" é um dos grandes clássicos da antiga Hollywood. Lançado em 1954, o longa-metragem conta a história de uma expedição geológica ao Amazonas onde eles descobrem a existência de um enorme anfíbio que destruiu aqueles que antes visitaram o sítio arqueológico em outras expedições.

Sendo um clássico do terror, o filme ganhou destaque pelo design da criatura principal que foi referenciada várias vezes na cultura pop, como na série "Os Monstros" e, mais recentemente, no filme "A Forma da Água", onde o diretor Guillermo del Toro recria a história da década de 54 e a transforma em uma produção super moderna.

Apesar de icônica, o nome responsável pela criatura foi apagado da história de Hollywood quando sua designer não foi creditada no filme. Milicent Patrick seria a primeira mulher a produzir uma criatura para longa-metragem no cinema, uma tarefa que ela cumpriu com excelência. No entanto, a sua aclamação merecida foi ocultada quando executivos da Universal Studios agiram de forma imatura e o nome de Patrick não apareceu em nenhum momento de O Monstro da Lagoa Negra.

Milicent Patrick: a designer de monstros esquecida por Hollywood
Foto: Universal Pictures / Wikimedia Commons

Segundo o site "Fright Like a Girl", escrito pela historiadora Jéssica Reinaldo, o chefe do departamento de maquiagens da Universal, George Hamilton "Bud" Westmore, sentia-se incomodado com o sucesso de Milicent. Mesmo que a designer tenha se esforçado para fazer com que Westmore e o resto da equipe de design fossem creditados tanto quando ela, o incômodo do chefe foi tão grande que resultou em sua demissão dos estúdios. 

Quando o filme estreou, o nome de Patrick foi ocultado dos créditos e ela jamais pode trabalhar em um departamento de maquiagens novamente. As motivações de Bud Westmore teria vindo do machismo, ciúmes e inveja da designer que, por fim, teve uma breve e precoce carreira em Hollywood, fazendo com que seu nome caísse no esquecimento.

A história de Milicent Patrick somente voltou aos holofotes quando Mallory O'Meara, que é roteirista e produtora, mergulhou em sua biografia para trazer sua história de volta ao público, dando o destaque merecido para a design. Foi assim que surgiu o livro "A Dama e a Criatura", onde a autora faz comparações entre a sua própria vida com a de Milicent, mostrando os paralelos entre a vida de ambas e as dificuldades enfrentadas pelas mulheres que trabalham em Hollywood.

Milicent Patrick: a designer de monstros esquecida por Hollywood
Foto: Reprodução / Darkside Books

A obra foi lançada no Brasil pela Darkside Books no fim do mês de abril e te permite conhecer mais detalhadamente a história de Milicent Patrick e o seu monstro que se tornaria icônico para a cultura pop.


+Adquira a obra de Mallory O'Meara através da Amazon:

A Dama e a Criatura (2022): https://amzn.to/3w92lyW

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e o Hollywood Forever TV pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/3s9QqP0

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/37XppHQ


HFTV NAS REDES SOCIAIS 👇 

YOUTUBE | INSTAGRAM | TWITTER | FACEBOOK | SPOTIFY | NEWSLETTER